Return to site

Como ter certeza dos fatos

Elencamos alguns grupos que estão tão preocupados com isso quanto você, especialmente neste ano eleitoral

Com o turbilhão de notícias que chegam pelos mais diversos meios, como saber se uma declaração é real ou fantasiosa? Grupos de jornalistas estão se dedicando intensivamente a esse exercício e passaram a ser chamados de checadores. O que esses profissionais fazem - e que qualquer pessoa curiosa e persistente o bastante pode fazer - é averiguar gravações, registros, documentos, possíveis alterações em mídias e mesmo a possibilidade de ser fazer ou não determinado ato para confirmar ou negar algum tipo de declaração. O pulo do gato nesse quesito é não depender de versões ou das interpretações feitas por opositores ou aliados. 

Mas isso não se aplica só a política. Já viu os achados do detetive virtual, do Fantástico? Pois é, é o mesmo tipo de trabalho. Investigação minuciosa para levar a informação correta a quem assiste (ou escuta ou lê). Afinal, se for para ver efeitos especiais, assistimos filmes de ficção não é mesmo?

Vamos aos guerreiros! 

Revista Piauí - Lupa

Setor de uma das revistas mais admiradas entre os jornalistas, a Lupa faz parte da International Fact-checking Network (IFCN), rede que avalia preceitos éticos das análises. A agência analisa desde eleições a anúncios da Black Friday. 

Agência Pública - Truco 

A agência de jornalismo investigativo criou um setor para analisar as falas de políticos. Ali, eles apontam variáveis conceitos, indo além do verdadeiro ou falso. Há também explicações sobre a metodologia usada para que possamos checar os checadores.

Aos Fatos

Iniciada já como uma agência de checagem, o projeto não se ancora em nenhum veículo, mas realiza contratos de exclusividade com alguns portais por determinado período e interesse. Tudo está narrado com detalhes no site da empresa que também se mantém através de financiamento coletivo e ensino de suas metodologias.

Brio Hunter - Escavadores

Rede de consultoria jornalística a profissionais, iniciaram o projeto Escavadores para analisar documentos ligados a personalidades políticas. Diferente dos demais, eles não vão partir de uma declaração para investigar, mas sim procurar documentos que apontem algum tipo de irregularidade nos patrimônios ou ações de representantes públicos. O time tentou levantar verba através de um financiamento coletivo em seu próprio site, mas não atingiram a marca desejada. Ainda assim pretendem dar continuidade ao projeto.

Globo - Fato ou Fake

Ancorada numa das maiores emissoras do país, o serviço de checagem foca em textos viralizados pelo Whatsapp, mas também se dedicará a afirmações de candidatos políticos. Formada pelas equipes do G1, CBN, Valor, Época, GloboNews, TV Globo, O Globo e Extra, a iniciativa pode publicar seus resultados simultaneamente nas plataformas. 

Projeto Comprova

Seguindo a mesma onda de checagens políticas, o coletivo é formado por jornalistas de 24 veículos e busca descobrir e investigar informações enganosas, inventadas e deliberadamente falsas durante a campanha presidencial de 2018. As informações são divulgadas no próprio site do projeto e a assinatura contém quais veículos participaram do levantamento de dados de cada investigação.

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OKSubscriptions powered by Strikingly